Madri

Como chegamos

Trem de Barcelona para Madri pela Renfe (AVE 03092); saindo da estação Barcelona Sants, em Barcelona, e chegando na estação Puerta de Atocha, em Madri. A viagem durou aproximadamente 2:45 hs.


Onde ficamos

Hotel Santo Domingo – San Bernardo, 1 (28013) – Madri – Espanha
Faça sua reserva ou visite o site

Período:  5 dias / 4 noites (setembro de 2014)

Nossa avaliação: Ótimo hotel, com quarto confortável e um excelente café da manhã. Ótima localização, próximo de uma das principais ruas de Madri, Calle Gran Via, e da estação de metrô Santo Domingo.


O que fizemos

1º dia: Chegada à Madri – Plaza de España, Palácio Real, Catedral de Almudena e Plaza Mayor

Chegamos em Madri e após deixarmos as malas no hotel fomos almoçar num restaurante próximo chamado Topolino, que era um self-service com um paella maravilhosa. Terminado o almoço, pegamos a Calle Gran Via e fomos até a Plaza de España, um praça grandiosa com alguns monumentos entre eles um em homenagem à Miguel de Cervantes.

Espanha - Madri - Plaza de Espana
Plaza de España

Próximo dali, conhecemos o Templo de Debod que é um conjunto arquitetônico núbio-egípcio que pode ser apreciado fora do Egito e o único desta característica existente na Espanha. Andando nos jardins ao redor tínhamos uma bela vista da cidade.

Espanha - Madri - Templo de Debod
Templo de Debod
Espanha - Madri - Palacio Real
Palácio Real e Catedral de la Almudena

Indo em direção ao palácio, passamos pelos Jardines de Sabatini, que são maravilhosos jardins muito bem cuidados bem ao lado do palácio. Chegamos ao Palácio Real , que é a residência oficial do Rei da Espanha, e depois de algumas fotos no pátio principal, onde de um lado temos o Palácio e de outro a Catedral, entramos para conhecer o seu interior. Infelizmente só podia tirar fotos até a Escadaria Principal, mas vale destacar os belíssimos salões desta imponente e rica construção: Salão de Colunas, Salão de Gasparini, Saleta de Porcelana, Sala de Refeições de Gala, Salão dos Espelhos, Salão do Trono, além da Capela e da Biblioteca Real.

Espanha - Madri - Palacio Real
Palácio Real
Espanha - Madri - Palacio Real
Palácio Real

Saímos do palácio e fomos conhecer a Catedral de la Almudena. A arquitetura da Catedral de Santa Maria a Real de Almudena é uma mistura dos estilos neoclássico, no exterior, neogótico, no interior e neorromânico, na cripta. Foi a primeira catedral espanhola consagrada por um Papa e a primeira consagrada por João Paulo II fora de Roma. Uma catedral grandiosa e belíssima !!!

Espanha - Madri - Catedral de la Almudena
Catedral de la Almudena
Espanha - Madri - Catedral de la Almudena
Catedral de la Almudena

Saímos da Catedral e subimos a Calle Mayor, uma rua com casarios de arquitetura clássica e bem conservada, até chegarmos no Mercado de San Miguel, um mercado gourmet para quem gosta de experimentar produtos frescos e de qualidade.

Espanha - Madri - Mercado de San Miguel
Mercado de San Miguel

Saindo dali, passamos pela nossa sorveteria predileta, a Amorino, e também pelo Museo del Jamón até chegarmos na Plaza Mayor. Esta é uma praça retangular rodeada por edifícios de três andares, sendo que a entrada é feita apenas através dos nove pórticos, onde debaixo destes, nas suas arcadas, encontramos lojas tradicionais, sendo este um dos pontos turísticos mais procurados da cidade.

Espanha - Madri - Plaza Mayor
Plaza Mayor

Já começava a anoitecer neste lindo dia de sol quando chegamos à Puerta del Sol, que é um lugar muito movimentado onde encontra-se gente de todos os cantos do mundo. Ficamos alguns minutos apreciando este lugar com toda essa diversidade e depois retornamos para o hotel caminhando já que era bem perto.

Espanha - Madri - Puerta del Sol
Puerta del Sol

2º dia: Toledo

Este dia ficou reservado para conhecermos a bela cidade medieval de Toledo.

3º dia: Passeio por Madri – Puerta de Alcalá, Parque del Retiro, Museo Nacional del Prado e Plaza de Toros Las Ventas

Em mais um dia nesta cidade apaixonante, saímos do hotel, pegamos o metrô na estação Santo Domingo e descemos na estação Retiro. Começamos nossa caminhada pela Puerta de Alcalá. Este monumento, localizado na Plaza de la Independencia, é constituído por duas portas retangulares que ladeiam três arcos. Foi construído em 1778 para servir como porta de entrada da cidade.

Espanha - Madri - Puerta de Alcala
Puerta de Alcalá

Bem em frente ao monumento encontra-se o Parque del Retiro, um belíssimo e grandioso parque arborizado com muitos jardins bem tratados. Entramos por uma alameda muito florida, passamos pelo Teatro de Títeres e logo chegamos num lago com o Monumento Alfonso XII ao fundo, onde as pessoas podem passear de barco ou pedalinho.

Espanha - Madri - Parque del Retiro
Parque del Retiro

Ainda dentro do parque, passamos pelo Palácio de Velázquez (1881-83). Mais um pouco e chegamos no Palácio de Cristal, um lugar que foi inicialmente construído para ser uma estufa e que atualmente serve como espaço para exposições. Este palácio fica em frente a um lago com chafariz, cercado de árvores, num cenário muito harmonioso e bonito.

Espanha - Madri - Parque del Retiro - Palacio de Cristal
Parque del Retiro – Palácio de Cristal

Continuamos caminhando pelo parque até sairmos dele do lado oposto ao que entramos. Descemos um rua com uma feira de livros e logo depois passamos, sem entrar, pelo Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofia. Este museu é um dos mais importantes de arte moderna espanhola. Passamos também pelo CaixaForum, que funciona como um museu e centro cultural. Mais adiante, chegamos na Paseo del Prado, uma das principais ruas da cidade, e logo em seguida ao Museo Nacional del Prado. Entramos no museu e ficamos horas admirando as diversas pinturas e esculturas que fazem parte do acervo do museu. Pena que não podia tirar foto. Vale destacar o Real Jardín Botánico que fica em frente ao museu.

Espanha - Madri - Museu del Prado
Museu del Prado

Saímos do museu e continuamos caminhando pela Paseo del Prado, passando pelo Museo Thyssen-Bornemisza, até chegarmos na Plaza de Cibeles. Esta é uma belíssima praça com imponentes edifícios ao redor e com a famosa Fonte de Cibeles no centro. Dali pegamos o metrô na estação Banco de España e fomos até a estação Ventas para conhecermos a Plaza de Toros Las Ventas. Chegando lá, vimos que estavam sendo realizadas algumas corridas de touros mas já que a maioria preferiu não entrar, caminhamos pelos arredores e depois retornamos ao hotel.

Espanha - Madri - Plaza de Cibeles
Plaza de Cibeles
Espanha - Madri - Plaza de Toros de Las Ventas
Plaza de Toros de Las Ventas

4º dia: Ávila e Segóvia

Este dia ficou reservado para conhecermos duas cidades próximas à Madri: Ávila e Segóvia.

5º dia: Fim da estadia

Saída de Madri para Sevilha.


Dicas / Informações

Madri é a capital e a maior cidade da Espanha. Faz parte da comunidade de Madrid que faz fronteira com as de Castela e Leão e Castela-Mancha.

  • Na Puerta del Sol encontra-se o Km Zero das estradas espanholas. Também temos o edifício mais antigo, a Real Casa de Correios. Nele destaca-se o relógio da torre que foi construído e doado no século XIX.
  • O Museu do Prado é o mais importante museu da Espanha e um dos mais importantes do mundo.
  • O Museo Thyssen-Bornemisza exibe a coleção de arte da família de mesmo nome.
  • A Fonte de Cibeles foi feita em homenagem à deusa grega.
  • A Plaza de Toros Las Ventas é a maior deste gênero na Espanha e a segunda a nível mundial, só ultrapassada pela Plaza de Toros México.

Links úteis

Locais Informações (valores de setembro/2014)
Trem de Barcelona para Madri Preço: € 75,50 (Renfe)
Palácio Real Ingresso: € 10
Museu do Prado Ingresso: € 14

Deixe uma resposta