Cancún

Como chegamos

Ônibus de Mérida para Cancún passando por Chichén Itzá e pelo cenote Ik Kil.


Onde ficamos

Flamingo Cancún Resort & Plaza – Blvd. Kukulcán Km. 11 – Zona Hotelera – Cancún – México
Faça sua reserva ou envie um email ou visite o site

Período: 7 dias / 6 noites (março/abril de 2007)

Nossa avaliação: Excelente hotel. Quarto amplo e confortável para 2 pessoas, com TV, frigobar, piscina e de frente para o mar do Caribe. Bom café da manhã. Boa localização (perto de restaurantes como Outback e Bubba Gump e a 20 minutos do centro).


O que fizemos

1º dia: Chegada à Cancún

Em Cancún existem mais de 20 quilômetros de praias de areia fina, divididos entre a lagoa e o mar. As ruínas, as praias, a vegetação, os parques cheios de espetáculos de entretenimento, o clima, a fauna marinha e a estrutura hoteleira fazem de Cancún um dos destinos turísticos mais visitados do mundo.

2º dia: Playa del Carmen e Cozumel

Neste dia acordamos bem cedo e pegamos 2 ônibus e 1 ferry boat para irmos conhecer a Riviera Maia. Pegar ônibus em Cancún é muito tranquilo e o passeio de ferry boat proporciona uma visão fantástica do azul turquesa do mar do Caribe. Descemos em Playa del Carmen onde caminhamos na orla para apreciar a beleza do lugar.

Mexico - Riviera Maia - Playa del Carmen
Riviera Maia – Playa del Carmen

Como queríamos fazer um mergulho e desfrutar deste paraíso de águas cristalinas, saímos para procurar alguma agência de mergulho. Na principal praça, onde vimos uma apresentação da cultura local, encontramos uma que nos ofereceu um mergulho de snorkel na Isla Cozumel, uma pequena ilha localizada em frente e bem próxima de Playa del Carmen. Fomos até o cais e pegamos um pequeno barco onde embarcamos acompanhados de mais um casal de costarriquenhos.

Rapidamente chegamos ao ponto de mergulho e ficamos lá por aproximadamente duas horas desfrutando daquele mar cristalino e de sua rica fauna marinha. O local onde mergulhamos tinha aproximadamente 10 metros de profundidade e lembro de ficarmos fazendo apneia para descer e passar por baixo das formações rochosas e corais, nadando perto de peixes-papagaio e peixes-real. Após o mergulho passeamos pela rua principal, cheia de lojas e restaurantes, onde compramos dois calendários: um asteca e um maia. Após almoçarmos por ali mesmo retornamos para Cancún.

Mexico - Riviera Maia - Cozumel
Riviera Maia – Cozumel

À noite saímos para jantar no Outback próximo ao hotel e lembro de ter comido o prato Queensland Chicken & Shrimp, que é um fettuccine Alfredo com tiras de peito de frango e camarão grelhados (excelente prato !!!).

3º dia: Xcaret (Riviera Maia)

Xcaret é um parque temático ecológico situado na Riviera Maia, a 5 km ao sul de Playa del Carmen e a 75 km ao sul de Cancún, onde você pode desfrutar de atividades aquáticas, atrações culturais e shows. Começamos a visita passando por um viveiro cheio de aves como araras, flamingos, tucanos, papagaios, entre outros, no qual caminhávamos entre elas. Tinha também um mini-zoológico com alguns felinos. Passamos pelo Rio del Paraíso até chegarmos na Zona Arqueológica onde tinham algumas ruínas maias. Em seguida, subimos num elevador panorâmico de onde tivemos a verdadeira noção do tamanho do parque. Depois disso, fomos na atração mais legal do parque: a descida por um rio subterrâneo, em que descíamos um rio passando por cavernas subterrâneas que durou aproximadamente 40 minutos.

Mexico - Riviera Maia - Xcaret
Riviera Maia – Xcaret

Após o almoço, ficamos numa área como se fosse a praia local, com cadeiras e pequenas choupanas, na parte do parque mais próxima ao mar do Caribe, e permanecemos ali mergulhando de snorkel por aproximadamente uma hora. Saindo dali passamos na área de apresentação dos golfinhos, que a Bete adorou. Mais adiante, passamos pelo Aquário, que tinha vários peixes e corais típicos da região e também uma parte dedicada às tartarugas e jacarés. Seguindo a caminhada pelo parque, passamos por algumas ruínas da civilização maia, como o Juego de Pelota e o Cemitério. Já chegando no final da tarde, entramos no Mariposario onde ficamos admirando a balé de centenas de borboletas.

Mexico - Riviera Maia - Xcaret
Riviera Maia – Xcaret

No final do dia, assistimos a celebração do Xcaret México Espetacular, um espetáculo musical que é uma viagem pela história do México, desde os tempos pré-hispânicos aos mais tradicionais e típicos. Dentre as encenações assistimos ao jogo de pelota maia, uma representação do encontro de dois mundos e à uma festa cheia de luz, magia e cor.

Mexico - Riviera Maia - Xcaret
Riviera Maia – Xcaret

4º dia: Xel-Há e Tulum (Riviera Maia)

Xel-Há é um parque ecológico caracterizado pelos cenotes, grutas e lagos que alimentam o mar se misturando com as águas frescas de nascente que refletem os azuis do céu, fazendo de Xel-Há o maior e mais bonito aquário natural do mundo. Chegamos por volta das 10:00hs e partimos direto para a Enseada de Xel-Há onde ficamos fazendo snorkel por umas 2:30hs entre centenas de peixes tropicais e mais de 90 espécies marinhas que habitam o local. Lembro que próximo à uma pequena ponte fui cercado por um cardume gigante de xaréus e confesso ter ficado um pouco tenso com a situação. Saindo dali, fomos ver a apresentação de golfinhos que foi bem mais legal que a de Xcaret. A cor do mar de Xel-Há realmente impressiona, pela intensidade do forte azul-turquesa.

Mexico - Riviera Maia - Xel-Ha
Riviera Maia – Xel-Há
Mexico - Riviera Maia - Xel-Ha
Riviera Maia – Xel-Há

Saindo de Xel-Há fomos visitar o Sítio Arqueológico de Tulum, uma antiga cidade amuralhada maia, que como Xcaret está situada na Riviera Maia. Tulum é banhada pelo mar do Caribe e tem diversas ruínas maias bem preservadas. A complexidade das edificações é menor e menos impressionante do que em outras ruínas maias como as de Chichén Itzá, mas sua localização perto das falésias do litoral a torna uma das ruínas mais cênicas de Península de Yucatán.

Mexico - Riviera Maia - Tulum
Riviera Maia – Tulum
Mexico - Riviera Maia - Tulum
Riviera Maia – Tulum

À noite, saímos para caminhar até o centro, admirando a grandiosidade da rede hoteleira do local. Chegando lá, demos uma volta no Centro de Entretenimento e, quando a fome apertou, decidimos jantar no Carlos’n Charlie’s. O jantar neste restaurante foi bem interessante pois os garçons brincavam a todo o tempo com a gente, colocando chapéu de mexicano ou nos fazendo comer alguma comida exótica. Não esquecendo do mais importante: a comida era excelente !!!

Mexico - Cancun - Carlosn Charlies
Carlos’n Charlie’s

5º dia: Praia em Cancún e boate The City

Pela manhã, ficamos na praia de Cancún em frente ao hotel e aproveitei para fazer uma caminhada, curtir o visual e também apreciar a rede hoteleira vista da praia. Um detalhe que me chamou a atenção foi ver alguns estragos na orla causados pelo furacão Wilma, que devastou a ilha em 2005, e que foi um dos piores que já passaram pelo Oceano Atlântico. Sem falar, é claro, do azul turquesa do mar do Caribe.

Mexico - Cancun - Hotel Flamingo
Hotel Flamingo

À tarde, saímos para conhecer o Shopping La Isla, que fica à beira da Lagoa Nichupté e próximo ao hotel. O shopping é bem bonito e tem uma bela vista da lagoa. Aproveitamos e almoçamos no Planet Hollywood, que estava bem vazio mas nos deliciamos com sua excelente comida.

Mexico - Cancun - Planet Hollywood
Planet Hollywood

À noite, como Cancún é a cidade do agito, decidimos ir numa boate. Chegando no centro da agitação, e depois de passar por várias casas noturnas com som alto e gente se acabando, decidimos entrar na The City onde iria rolar o show Caribbean Tan, que era um desfile de tangas caribenhas, mas que não chegam nem perto das brasileiras. Foi uma noite muito divertida, tanto pelo desfile de tangas quanto pela quantidade de gente fazendo safadeza nos camarotes, tendo até presenciado a expulsão de dois casais.

6º dia: Praias em Isla Mujeres

Neste dia em Cancún decidimos conhecer Isla Mujeres, que é uma pequena ilha a 13 Km a nordeste de Cancún, no Mar do Caribe. Pegamos um ônibus perto do hotel e descemos na Playa Tortuga, na Zona Hoteleira, de onde pegamos o barco. Chegando lá, fizemos um mergulho de snorkel por uma hora na Playa Norte. Depois fizemos uma parada para almoço na Playa Tiburon, onde tinha um cercado em que você, se pagasse, poderia nadar e tocar nos tubarões. Finalizando o passeio, pegamos um barco para Cancún descendo em Puerto Juárez.

Mexico - Cancun - Isla Mujeres
Isla Mujeres

À noite, fomos jantar no Señor Frog’s. Este restaurante mexicano de excelente comida tinha um ambiente um pouco exótico. Enquanto comíamos, tinha gente descendo pelo tubo d’água e caindo no lago. Tinha também a galera dançando na pista se esfregando nos garçons. Depois do jantar, demos uma esticada até o Centro de Entretenimento. Lá ficam o Hard Rock e o Carlos’n Charlie’s, lugar para ver o agito da galera indo para a noitada. Na volta para o hotel, paramos para tirar algumas fotos do restaurante Bubba Gump. Nele tem um banco, com um sapato e uma maleta, estilizando o filme Forrest Gump.

exico - Cancun - Senor Frogs
Señor Frog’s

7º dia: Fim da estadia

Saída de Cancún para o Rio de Janeiro.


Dicas / Informações

  • Não deixe de fazer um mergulho em qualquer lugar do mar do Caribe.
  • Xel-Há não tem tantas atrações como Xcaret, mas para mergulho é bem melhor.
  • Reserve pelo menos uma noite para conhecer as boates de Cancún.
  • Os passeios à X-Caret e Xel-Há estavam incluídos no pacote.

Links úteis

Locais Informações (valores de março/2007)
Ferry boat até Playa del Carmen Preço: 34 pesos mexicanos
Tulum Ingresso: 45 pesos mexicanos

Deixe uma resposta