Pisa

Como chegamos

Pegamos um trem regional na estação Santa Maria Novella, em Florença, para visitar Pisa. Esta viagem de trem durou aproximadamente uma hora.


O que fizemos

1º dia: Pisa

Descemos na estação Pisa San Rossore, que fica a 600 metros da principal praça da cidade, e andamos um pouco até chegarmos nas muralhas. Descendo na estação Pisa Centrale você tem a oportunidade de passar pelo Rio Arno, mas não fizemos isso. Atravessamos a muralha e chegamos na Piazza dei Miracoli onde encontramos as principais atrações da cidade: a Torre de Pisa, o Batistério de San Giovanni, o Duomo e o Camposanto. Lá também existe um pequeno museu que conta a história da construção da torre. Para visitar todas as atrações é necessário comprar ingresso, e existem combos, como torre+catedral+batistério ou só a torre. No final das contas, a Bete não conseguiu subir na torre porque a Juliana não podia subir, o que a deixou muito decepcionada, aliás só podem subir maiores de 8 anos.

Italia - Pisa - Piazza dei Miracoli - Duomo
Piazza dei Miracoli – Duomo

Começamos a visita pelo Batistério de San Giovanni, que é muito bonito, com balcões trabalhados em mármore e no segundo andar pudemos desfrutar de uma das vistas mais belas de Pisa. Uma situação interessante que presenciamos foi quando fecharam as portas do Batistério e uma mulher se aproximou do balcão central e começou a cantar uma música, que parecia uma ópera. Foi quando percebemos a maravilhosa acústica do lugar.

Italia - Pisa - Piazza dei Miracoli - Batisterio
Piazza dei Miracoli – Batistério

Seguimos para visitar a Catedral de Pisa, ou Duomo de Pisa, onde o teto impressiona, todo trabalhado em madeira com pinturas douradas e azuis. Dentro da catedral fica a tumba do patrono de Pisa, San Ranieri, e também um lindo trabalho em pastilhas douradas no teto em cima do altar.

Italia - Pisa - Piazza dei Miracoli - Duomo
Piazza dei Miracoli – Duomo

Saímos do Duomo e fomos conhecer o Camposanto. Este lugar é uma espécie de cemitério onde encontramos vários túmulos de padres, bispos, cardeais, entre outros. O local é muito bonito, com um belo gramado, diversas esculturas pelos corredores, além de várias urnas funerárias. As paredes possuem pinturas muito antigas que estavam sendo restauradas.

Italia - Pisa - Piazza dei Miracoli - Camposanto
Piazza dei Miracoli – Camposanto

Saímos dali e fomos para a Torre de Pisa. Esta histórica construção, iniciada em 1173, se destaca por sua incrível inclinação e beleza. Antes de subir, foi feita uma pequena demonstração sobre a construção da torre e também dos cuidados que teríamos que ter na subida. Subi seus 296 degraus e lá de cima tive uma das mais belas vistas da cidade. Enquanto subia na torre, Bete e Juliana fizeram um piquenique. Foi nesse momento que reparamos que a Juju estava brincando com crianças de diferentes nacionalidades, cada uma falando seu idioma e todas se entendendo muito bem. Finalizamos a visita à Pisa indo ao Museu da Catedral, que é bem pequeno mas com diversas peças muito bonitas, algumas esculpidas em mármore.

Italia - Pisa - Piazza dei Miracoli - Torre de Pisa
Piazza dei Miracoli – Torre de Pisa
Italia - Pisa - Piazza dei Miracoli - Duomo e Batisterio
Piazza dei Miracoli – Duomo e Batistério

Voltamos para a estação Pisa San Rossore e pegamos um trem para conhecermos Lucca. Fizemos isto já que tínhamos lido que daria para fazer as duas cidades em um dia.


Dicas / Informações

Pisa é uma linda cidade da região da Toscana. Teve seu apogeu nos séculos XII e XIII quando era banhada pelo Rio Arno. Recentemente, foram feitas descobertas arqueológicas de um grande porto fluvial do Império Romano.

  • Esta viagem foi realizada em agosto de 2013 (manhã/tarde de um dia – sem pernoite).
  • Num mesmo dia dá para visitar Pisa e Lucca.

Links úteis

Deixe uma resposta