Santiago

Como chegamos

Março/2006 – Voo do Rio de Janeiro para Santiago

Abril/2011 – Alugamos um transfer de San Pedro de Atacama para Calama e pegamos um voo para Santiago.


Onde ficamos

Março/2006

Hotel Galerias – San Antonio, 65 – Santiago – Chile
Faça sua reserva

Período: 5 dias / 4 noites (março de 2006)

Nossa avaliação: Ótimo hotel. Quarto muito bom para 2 pessoas, com TV e frigobar. Ótima localização (perto dos principais pontos do centro da cidade).

Abril/2011

Hotel Park Suite Huerfanos – Huerfanos, 545 – Santiago – Chile
Faça sua reserva ou envie um email ou visite o site

Período: 4 dias / 3 noites (abril de 2011)

Nossa avaliação: Excelente hotel. Quarto de dois andares todo equipado com TV nos dois andares, cozinha equipada, escritório e tudo que se tem direito. Ótima localização (perto dos principais pontos do centro da cidade).


O que fizemos

Março/2006

1º dia: Chegada à Santiago

Depois de despacharmos as nossas malas, caminhamos pelos arredores do hotel para fazermos um reconhecimento e também câmbio. Em seguida, fomos até uma das atrações turísticas mais visitadas de Santiago, o Mercado Central, inaugurado em 1872, no mesmo lugar onde ficava a antiga Plaza de Abastos, e declarado monumento histórico nacional em 1984. Toda a estrutura de ferro foi pré-fabricada na Inglaterra no final dos anos 1860 e transferida para Santiago de navio. No local ainda existem barracas de peixes, carnes, frutas, legumes, ervas, frios, mantendo a tradição iniciada há 140 anos. Todavia, hoje os restaurantes ocupam grande parte da área, e aproveitamos para almoçar no Donde Augusto, especializado em frutos do mar, onde comi um congrio rosa com salsa de mariscos que estava excelente. Após o almoço, caminhamos até a Plaza de Armas onde ficamos até o anoitecer e depois fomos para o hotel descansar.

Chile - Santiago - Mercado Central
Mercado Central

2º dia: City Tour por Santiago e Concha Y Toro

A manhã deste dia estava reservada para um City Tour pela cidade. Começamos pelo Palácio Cousiño, que é um belo palácio pertencente à família CousiñoGoyenechea, uma das famílias mais ricas em Santiago. Depois seguimos para a Plaza de la Constituición, onde vimos a troca da guarda no Palacio de La Moneda, que é a sede da Presidência da República do Chile. O palácio é ladeado por duas praças: ao sul, pela praça da Cidadania e, ao norte, pela Praça da Constituição.

Chile - Santiago - Palacio La Moneda
Palácio La Moneda

Depois seguimos para a Plaza de Armas, onde se encontra a Catedral Metropolitana de Santiago. Apesar de não ser dedicada à um santo específico, dentro tem várias capelas, como a da padroeira Nossa Senhora da Conceição, o Santíssimo Sacramento e São Miguel Arcanjo. Estava um pouco danificada pelos terremotos. Seguimos para o mirante San Cristóbal onde tivemos uma bela vista da cidade, mas não chegamos a subir no teleférico. Seguimos então para a antiga estação de trem e finalizamos no Mercado Central, onde almoçamos no restaurante El Galeón.

Chile - Santiago - Plaza de Armas - Catedral Metropolitana
Plaza de Armas – Catedral Metropolitana

Antes do almoço, no final do city tour, o guia nos ofereceu um passeio até uma vinícola próxima de Santiago e como não tínhamos nada previsto para a tarde, reservamos o passeio. Após o almoço, aguardamos em frente ao Mercado Central de onde sairia o passeio para a vinícola Concha Y Toro. Concha y Toro é uma empresa chilena, produtora e exportadora de vinhos fundada em 1883. É a maior do Chile e possui vinhedos nos principais vales produtores chilenos, bem como na Argentina. O passeio para lá foi por uma bela estrada cercada por outras vinícolas e, chegando lá, dava direito à duas degustações e visita às plantações e adegas da vinícola, incluindo a do seu vinho mais famoso, o Casillero del Diablo.

Chile - Santiago - Vina Concha Y Toro
Viña Concha Y Toro

À noite, resolvemos que não jantaríamos no hotel e pegamos o metrô até a Providencia, bairro bem agitado de Santiago, onde fizemos uma deliciosa refeição no restaurante Alabama.

3º dia: Valparaíso e Viña del Mar

Este dia estava reservado para um passeio de dia inteiro onde visitaríamos duas cidades importantes do Chile. Primeiro fomos à Valparaíso, que é a terceira cidade mais populosa e sede do Poder Legislativo da República do Chile. A área histórica de Valparaíso foi declarada como Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO em 2003. Fomos direto ao mirante de onde se tem uma bela vista do porto e da cidade. Depois seguimos para a Plaza Sotomayor, no centro histórico da cidade, onde existe um monumento em comemoração por terem vencido a guerra contra a Bolívia, onde esta perdeu 800 km de suas terras e o acesso ao mar. Atrás do monumento existem duas torres, a nova alfândega e a estação do metrô.

Chile - Valparaiso - Mirante
Valparaiso – Mirante

Em seguida, fomos conhecer a segunda cidade do dia, Viña del Mar, que é considerada a capital turística e conhecida popularmente no Chile como la Ciudad Jardín (a cidade-jardim). Chegando lá, passamos pelo Cassino e Hotel del Mar e pelo Castelo Brunet.

Chile - Vina del Mar
Viña del Mar

Antes de almoçarmos no restaurante El Pacifico, passamos pela Playa de Reñaca, onde mergulhei no Oceano Pacífico, apesar de estar bastante frio. Fui até aplaudido pelos turistas !!! Depois do delicioso almoço, fomos conhecer a Roca Oceânica, região de belas formações rochosas e ventos fortes, onde passa uma autoestrada e de onde ficamos admirando o belo espetáculo do mar se chocando contra as pedras.

Chile - Vina del Mar - Playa de Renaca
Viña del Mar – Playa de Reñaca
Chile - Vina del Mar - Roca Oceanica
Viña del Mar – Roca Oceanica

Para finalizarmos o dia de passeio, fomos ao Museo Arqueológico Francisco Fonck, que possui várias salas que representam características antropológicas dos vários povos primitivos que viveram em diversas regiões do Chile e também outras dedicadas à fauna do país. Na entrada do museu encontra-se um moai da Ilha de Páscoa. Depois da visita ao museu, no retorno para Santiago, paramos num mirante de onde se avistava a Baía de Valparaíso.

Chile - Vina del Mar - Museo Fonck
Viña del Mar – Museo Fonck

À noite, fomos e voltamos de metrô ao bairro Bellavista, conhecido por sua boemia, e onde jantamos no restaurante Como Água para Chocolate. Este restaurante fica por fora do conhecido e visitado Patio Bellavista, que reúne muitos restaurantes. Já na entrada, o que chama a atenção é uma cama antiga com cadeiras ao redor e pratos sobre ela (para quem já assistiu o filme, a cama lembra uma das cenas mais cheias de paixão e amor). Tem uma excelente comida e como prato principal, depois de alguns piscos sour, comemos fajitas com camarões, carne e frango, cebola, pimentão, queijo derretido, tortilhas, guacamole, arroz, feijão e pasta branca. Ficamos fregueses !!!

4º dia: Passeio por Santiago

Saímos cedo do hotel para um caminhada livre. Com a ajuda de um mapa com os principais pontos turísticos da cidade, andamos durante aproximadamente 10 horas indo do Cerro Santa Lucia até o Cerro San Cristóbal. Na parte da manhã passamos pelos seguintes lugares: Teatro Municipal, Sociedad Nacional de Agricultura, Club de Oficiales, Cerro Santa Lucia, de onde tivemos uma bela vista da cidade e dos Andes, Igreja San Agostinho, Bolsa de Commercio, Palacio de La Moneda, onde entramos para visitar o Centro Cultural, Tribunales de Justicia e o Museu Chileno de Arte Precolombino. Este museu tem em seu acervo peças da cultura Maya (300-900 DC), incensários, urnas de morte, figuras humanas (1800-300 AC), cultura Asteca (1200-1520 DC), cultura Chemamüll (Gente de Madera – eram usados pelos Mapuches nos rituais e velórios dos seus mortos), cultura Moche (450-550 DC) e cultura Marajoara (que iniciou às margens do Rio Amazonas).

Chile - Santiago - Cerro Santa Lucía
Cerro Santa Lucía

Após almoçarmos mais uma vez no restaurante Donde Augusto, no Mercado Central, visitamos o Museu Nacional de Bellas Artes, onde na entrada encontra-se a escultura “Caballo”, de Fernando Botero. Depois seguimos para o Parque Florestal e, em seguida, para o Cerro San Cristóbal, onde subimos de funicular, andamos no teleférico panorâmico, visitamos o santuário da Imaculada Conceição e tiramos diversas fotos da cidade até o anoitecer.

Chile - Santiago - Parque Florestal
Parque Florestal
Chile - Santiago - Cerro San Cristobal
Cerro San Cristóbal

5º dia: Fim da estadia

Saída de Santiago para Puerto Varas.


Abril/2011

1º dia: Chegada à Santiago

Como estávamos muito cansados da viagem de San Pedro de Atacama, que teve alguns atrasos, saímos apenas para comer e fazer câmbio e em seguida retornamos ao hotel.

2º dia: Passeio por Santiago

Saímos do hotel e fomos até a Plaza de Armas, onde ficamos admirando seus monumentos até resolvermos entrar na Catedral Metropolitana de Santiago, que é o principal templo católico do Chile e sede da arquidiocese da cidade. Gosto muito de admirar as torres da catedral refletidas nos prédios espelhados ao seu redor.

Chile - Santiago - Plaza de Armas - Catedral Metropolitana
Plaza de Armas – Catedral Metropolitana

Caminhamos mais um pouco e fomos almoçar adivinha aonde ??? Restaurante Donde Augusto no Mercado Central. Após o almoço, passamos pelo Museu de Bellas Artes, pelo Parque Florestal, e encerramos o dia com um belo pôr do sol no Cerro Santa Lucia.

Chile - Santiago - Cerro Santa Lucia (Vista Hotel)
Cerro Santa Lucia (Vista Hotel)

3º dia: Passeio por Santiago

Saímos cedo do hotel, pegamos o metrô e fomos conhecer o bairro de Las Condes, que é um bairro chique e comercial de Santiago. Chegando lá, andamos até o Parque Araucano, uma grande área verde onde temos até pequenas estufas com rosas. Em seguida, fomos ao Shopping Parque Arauco, que fica atrás do parque, onde compramos algumas lembranças para a nossa casa, almoçamos no restaurante Tony Roma’s e onde tem algumas lojas de trekking com preços muito bons.

Chile - Santiago - Parque Araucano
Parque Araucano
Chile - Santiago - Shopping Parque Arauco
Shopping Parque Arauco

À noite, fomos ao bairro Bellavista onde jantamos no nosso restaurante predileto Como Água para Chocolate. Só para não perder o hábito, pedimos o mesmo prato da última vez e aproveitamos com muita calma aquele ambiente super agradável.

Chile - Santiago - Restaurante Como Agua para Chocolate
Restaurante Como Água para Chocolate

4º dia: Fim da estadia

Saída de Santiago para o Rio de Janeiro.


Dicas / Informações

  • Andar por Santiago é muito agradável devido à sua arquitetura e bom funcionamento dos transportes.
  • Visitar o Museu Chileno de Arte Precolombino.
  • Recomendamos todos os restaurantes citados acima.
  • Sugestão de almoço no Donde Augusto: congrio rosa com salsa de mariscos.
  • O City Tour e o passeio de Valparaíso e Viña del Mar estavam incluídos no pacote.
  • Sugestão de jantar no Como Água para Chocolate
    • Entrada: Pães e pasta verde com aliche e condimentos
    • Bebida: Pisco Sour
    • Prato principal: Fajitas com camarões, carne e frango, cebola, pimentão, queijo derretido, tortilhas, guacamole, arroz, feijão e pasta branca.

Links úteis

Locais Informações (valores de março/2006)
Concha Y Toro Preço: US$ 40,00

Deixe uma resposta