Punta Tombo – Patagônia – Puerto Madryn

Argentina - Puerto Madryn - Punta Tombo

A Área Natural Protegida Punta Tombo abriga, entre os meses de setembro e abril, a maior colônia continental de pinguins-de-Magalhães do mundo. O Museu Paleontológico Egidio Feruglio, em Trelew, é conhecido como um dos mais importantes da Patagônia. Gaimán é uma pequena cidade de origem galesa a 15 Km de Trelew.


4º dia: Punta Tombo, Trelew e Gaimán

Começamos este dia por Punta Tombo, a 180 Km de Puerto Madryn, e que foi declarada Área Natural Protegida em 1979. Chegando lá, fizemos uma parada numa Pinguinera que, de agosto a abril, serve de moradia para os pinguins de Magalhães. Fomos orientados a não sair da trilha, já que ao redor, na vasta estepe, existiam centenas de ninhos de pinguins de Magalhães misturados a guanacos, maras e outros animais. Após 40 minutos de caminhada, chegamos numa praia na qual os pinguins se deliciavam num animado banho. Ficamos ali apreciando a paisagem e tirando fotos antes de continuarmos o passeio.

Argentina - Puerto Madryn - Punta Tombo
Punta Tombo

Argentina - Puerto Madryn - Punta Tombo
Punta Tombo

Argentina - Puerto Madryn - Punta Tombo
Punta Tombo

Após o almoço seguimos para Trelew onde visitamos o Museu Paleontológico Egidio Feruglio. Este museu é conhecido como um dos mais importantes da Patagônia pois nele se encontram diversas ossadas de homens e animais que viveram nesta região, inclusive animais pré-históricos. Continuando o passeio, paramos em Gaimán, que é uma pequena cidade de origem galesa a 15 Km de Trelew. Nesta cidade subimos até um mirante onde tínhamos uma visão panorâmica. Em seguida, antes de voltarmos para Puerto Madryn, passamos numa Casa de Té, ou seja chá, para um lanche.

Argentina - Trelew - Museo Paleontologico
Trelew – Museo Paleontológico
Argentina - Gaiman
Gaiman

Veja também:


Dicas e informações

Serviços

  • Punta Tombo
    Preço: 150 pesos
  • Reserva Punta Loma
    Ingresso: 30 pesos
  • Museo Paleontológico
    Ingresso: 16 pesos
  • Os valores acima são de abril/2008.

Informações

  • Procure ir na época de observação das baleias (agosto-abril) pois, pelas fotos que vi, deve ser incrível.

Links úteis

Deixe uma resposta